Recentemente, como já informamos, a estrela de “4 Mulheres e Um Marido” Mykelti Brown conversou com alguns fãs durante um vídeo ao vivo nas redes sociais.
Mykelti mencionou que, ao contrário do que ocorria anteriormente, os filhos mais velhos de Kody Brown não são mais tão próximos, em virtude da distância física – alguns casaram-se, outros cursam faculdade, e a maior parte reside em diferentes locais nos EUA.
Entretanto, Mikelti também mencionou outra razão para o distanciamento que surgiu entre seus irmãos: a ideologia.
“Cada um tem suas próprias crenças e opiniões”, explicou Mykelti. “Compete a eles o que decidam fazer e compartilhar (nas redes sociais). Esperamos que tudo se resolva.”
O “tudo” a que a filha de Kody se refere é uma batalha verbal e ideológica entre dois de seus irmãos, Mariah e Paedon.
Mariah e sua noiva, Audrey, são declaradamente apoiadoras da ideia “Black Lives Matter” (“Vidas negras importam”), que alega a existência de preconceito contra negros, defendendo-os socialmente.
Paedon, que serve atualmente às forças armadas norte-americanas, pensando de modo diferente de sua irmã, publicou a hashtag “Blue Lives Matter” (“Vidas azuis importam”), alegando que todas as vidas importam, de modo independente de sua cor ou raça.



Quando um fã aconselhou que Paedon “conversasse com sua irmã”, ele respondeu:
“Amo demais a Mariah, mas não podemos defender um ao outro (nesse caso).”
A noiva de Mariah, então, comentou a publicação do rapaz, visivelmente revoltada:
“‘Mariah e eu não podemos defender um ao outro’? Você não estava pensando nisso quando telefonou para ela chorando há algumas semanas.”
Paedon não respondeu mas, educadamente, desativou os comentários da postagem.
Até o fechamento da matéria, Mariah e Audrey não seguiam mais Paedon no Instagram.

Para estar informado sobre o assunto, visite diariamente a revista “O Mundo Online” ou siga-nos no Instagram, no Facebook e no Twitter.